quinta-feira, 15 de fevereiro de 2007

Sistemas Computacionais

Um sistema computacional (ou baseado em computador) é aquele que automatiza ou apóia a realização de atividades humanas através do processamento de informações.

Um sistema baseado em computador é caracterizado por alguns elementos fundamentais.

  • Hardware
  • Software
  • Informações
  • Usuários
  • Procedimentos ou Tarefas
  • Documentação
O hardware corresponde às partes eletrônicas e mecânicas (rígidas) que possibilitam a existência do software, o armazenamento de informações e a interação com o usuário. A CPU, as memórias primária e secundária, os periféricos, os componentes de redes de computadores, são exemplos de elementos de hardware. Um único computador pode possibilitar a existência de diversos sistemas e um sistema pode requisitar diversos computadores.

O software é a parte abstrata do sistema computacional que funciona num hardware a partir de instruções codificadas numa linguagem de programação. Estas instruções permitem o processamento e armazenamento de informações na forma de dados codificados e podem ser controladas pelo usuário. Este controle, bem como a troca de informações entre o usuário e o sistema é feita através da interface de usuário, composta por hardware e software.

A informação é um componente fundamental nos sistemas baseados em computador. Por isto eles podem também ser chamados de sistemas baseados em informação. Sistemas processam e armazenam dados que são interpretados como informações pelos usuários através da interface. São os dados que representam elementos do domínio que tornam o sistema útil para os usuários.

Os usuários são também elementos centrais no desenvolvimento de um sistema baseado em computador. As metas de cada usuário, de acordo com o papel que cada um desempenha no domínio, devem poder ser satisfeita pelo sistema.

As tarefas ou procedimentos compreendem as atividades que o sistema realiza ou permite realizar. As tarefas caracterizam a funcionalidade do sistema e devem permitir aos usuários satisfazer as suas metas. Elas devem estar de acordo com os processos da organização (ou do negócio).

A documentação do sistema envolve os manuais de usuário, que contém informações para o usuário utilizar o sistema (documentação do sistema) que descrevem a sua estrutura e o funcionamento. Estes últimos são fundamentais durante o desenvolvimento do sistema para a comunicação entre a equipe de desenvolvimento e para a transição entre as suas diversas etapas e durante a manutenção de um sistema em sua fase operacional.

Um sistema baseado em computador funciona num determinado domínio de aplicação que corresponde a um tipo de ambiente ou organização onde o sistema é utilizado.

Exemplos de sistemas baseados em computador

  • Sistema de Automação Bancária
  • Sistema de Folha de Pagamento
  • Sistema de Controle Acadêmico
  • Sistema de Biblioteca
  • Sistema de Controle de Tráfego Urbano
  • Sistema de Controle de Elevadores
  • Sistema de Editoração de Jornais e Revistas

Engenharia de Sistemas Computacionais

O desenvolvimento do sistema deve ser pensado como um todo. Os problemas que o sistema deve resolver devem ser analisados e uma solução envolvendo todos os componentes deve ser proposta. O desenvolvimento de cada componente do sistema pode ser conduzido utilizando um "engenharia" específica. É importante ressaltar que o termo engenharia está sendo utilizado de forma imprecisa.

Inicialmente é necessário realizar a análise do sistema. A análise de sistemas tem por objetivo:
  • a identificação necessidades dos usuários e dos problemas que o sistema deve vir a resolver na organização;
  • Definição dos requisitos do sistema;
  • O estudo de viabilidade técnica, econômica (análise custo-benefício) e jurídica de possíveis soluções;
  • Apresentação das possíveis soluções;
  • Planejamento do desenvolvimento (custos e cronograma);

Após ter sido escolhida a solução mais viável, parte para a engenharia propriamente dita.
  • Engenharia de Hardware - construção dos diversos equipamento de hardware, engenharia de redes, etc.
  • Engenharia de Software - desenvolvimento dos diversos componentes de software que compõe o sistema.
  • Engenharia de Informações - modelagem e estruturação das informações para que possam ser processadas e armazenadas.
  • Engenharia de Fatores Humanos ou Usuário - É necessário definir os papeis e os perfis das pessoas que irão utilizar o novo sistema. Os fatores humanos devem ser analisados para que as atividades humanas sejam desempenhada com qualidade.
  • Engenharia de Procedimentos ou Métodos - Novas tarefas dos usuários devem surgir e outras podem ser extintas. Outras atividades podem ser automatizadas pelo sistema.
  • Engenharia de Documentação - Toda a documentação do sistema precisa estar claramente descrita, organizada e catalogada. Técnicas da ciência da informação e biblioteconomia, aliada à novas ferramentas para documentação devem ser utilizadas.
Todas estas "engenharias" devem ser concebidas de forma integrada uma vez que o seus elementos estão bastante relacionados entre si. A ênfase em apenas um dos aspectos pode levar a deficiências do sistema em alguns outros componentes.

Na construção de um sistema não podemos nos concentrar apenas na engenharia de software. É preciso considerar que o hardware, bem como as informações e os procedimentos do domínio precisam ser analisados e construídos de forma integrada ao sistema.

Para maiores informações, consulte o material de aula (em PDF).

3 comentários:

Anônimo disse...

Obrigado pela informação :}

Hallysson disse...

ótima definição Jair leite, colocarei esta fonte no meu slide. Abraços!

Bruno César Bulnes disse...

Às vezes acreditamos que somente a engenharia de software basta para a realização do nosso trabalho, porém esquecemos de que ela está incluída em uma área ainda maior, que é a Engenharia de Sistema. Acredito que se olhássemos a partir desta perspectiva, talvez algums coisas seriam diferentes hoje.

Ótimo texto.